Pombal: Câmara aprova e salário da prefeita Polyana Feitosa será maior que o de Lula; Vereadores também receberão mais

A próxima prefeita de Pombal, Polyana Feitosa (PT-foto da capa) não terá do que reclamar, pelo menos em se tratando de remuneração, a partir de janeiro de 2009, quando assumirá os destinos administrativos do município.A petista receberá um salário de marajá se comparado com municípios de médio porte, como Pombal. A partir do próximo ano, os vencimentos mensais da gestora municipal serão de R$ 12.384,00, valor superior ao que ganha o presidente Lula, cujo salário é de R$ 11,2 mil. O salário do futuro vice-prefeito, Geraldinho, foi fixado em R$ 6.192,00. O reajuste nos salários do prefeito, vice e vereadores, foi aprovado no último dia 23 de setembro, antes da eleição, em sessão realizada na Câmara municipal (foto ao lado).A “briga” pela presidência do Poder Legislativo local também se justifica pelo salário que este passará a receber, a partir da posse.De acordo com informações obtidas pela reportagem da rádio LIBERDADE 96 FM, enquanto que oito dos nove vereadores ganharão R$ 3.715,00, o presidente da Casa receberá R$ 5.573,00, ou 50% a mais.De acordo com a Lei aprovada, esse valor poderá ser reajustado, anualmente, na mesma data dos servidores públicos municipais, adotando os mesmos índices para o aumento, obedecendo aos limites previstos na Constituição Federal. Atualmente, o salário de um vereador pombalense é de R$ 2.500,00. TCE DIZ QUE LEI NÃO PROÍBE AUMENTO:

O Conselheiro do Tribunal de Contas da Paraíba, Nominando Diniz, disse na última semana, que não existe nada que proíba o prefeito ganhar salário de marajá. Ele disse que no caso dos vereadores os subsídios devem estar dentro dos parâmetros fixados na Constituição Federal. “O que o Tribunal de Contas faz é apenas acompanhar se está dentro dos parâmetros para os vereadores. No tocante aos prefeitos e secretários cabe a Câmara de Vereadores levar em conta o tamanho do município”, afirmou o conselheiro Nominando Diniz.

Liberdade FM

File Under: